Campanha Salarial

30 de julho de 2015

Pauta já está nas mãos dos patrões: agora é a unidade e mobilização que vão fazer a diferença na Campanha Salarial


Um ato público na portaria da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), na tarde desta quinta-feira (30), marcou a entrega da pauta de reivindicações dos metalúrgicos à direção da entidade patronal, dando início oficial à Campanha Salarial Unificada dos trabalhadores da categoria em 2015.

 

Com data-base em 1º de outubro, os metalúrgicos cobram 13,5% de reajuste salarial - índice que inclui a reposição da inflação e aumento real de 4% -, abono de um salário nominal e também correção do piso salarial, o chamado salário de ingresso, além de dezenas de outras cláusulas sociais, tais como redução da jornada de trabalho, sem diminuição dos salários, e garantia de emprego.   

 

A campanha salarial deste ano tem a frase “nenhum direito a menos e mais avanços sociais” como tema, ressaltando a luta da categoria contra qualquer retrocesso em seus direitos e, ao mesmo tempo, a necessidade de valorizar os metalúrgicos, pela importância do trabalho que executam, num dos setores dos mais preponderantes da economia nacional.

 

“É preciso lutar contra qualquer retirada de nossos direitos. Ao mesmo tempo, sabemos que a conquista da reposição da inflação, acompanhada da reivindicação de aumento real, é uma forma de fortalecer a renda e também de valorizar o metalúrgico”, afirma o presidente do Sindicato, João Alves de Almeida, que esteve presente ao ato de entrega da pauta. “Além disso, estas reivindicações são um instrumento importante para ajudar no reaquecimento da economia local e nacional e ajudar na retomada do crescimento do Brasil”, acrescenta.

 

Da mesma forma que em anos anteriores, também em 2015, os metalúrgicos apostam na unidade entre sindicatos, centrais sindicais e federações de todo o estado como um fator diferencial para alcançar as reivindicações nesta campanha salarial. Assim, estarão representados nas negociações deste ano pela Federação Interestadual dos Metalúrgicos e Metalúrgicas do Brasil (FIT Metal), ligada à Central dos Trabalhadores e Trabalhadores do Brasil (CTB) e Femetal (Federação dos Trabalhadores das Indústrias do Estado de Minas Gerais), ligada à Força Sindical.

 

Fonte: Departamento de Imprensa - Sindbet.

 

 

Enquete

Boletim
Eletrônico

Cadastre-se e receba as
noticias do Sindicato
Rua Santa Cruz, 811 | Centro | Betim - MG | CEP 32600-028 | (31) 3539-6500 | metalurgicosdebetim@metalurgicosdebetim.org.br

Horários de funcionamento do Sindicato:
- Sede: 8h30 às 12h e das 13h às 18h.
Endereço: Rua Santa Cruz, 811, Centro - Betim.
Telefone: (31) 3539-6500.
- Subsede: 8h30 às 16h45.
Endereço: Rua Toyota, 222, bairro Jardim Piemont - Betim.
Telefone: (31) 3597-0260.

Visitas desde junho/2016: 835291
Sindicato dos Metalúrgicos de Betim e Região © 2018 All Rights Reserved.