Campanha Salarial

21 de julho de 2014

Metal˙rgicos de Betim aprovam pauta de reivindicaš§es da Campanha Salarial 2014


Reunidos em assembleia no último domingo (20), os metalúrgicos de Betim, Igarapé e São Joaquim de Bicas aprovaram por unanimidade a pauta de reivindicações para a Campanha Salarial Unificada deste ano, que será entregue à Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) no próximo dia 31, para que, a partir de então, seja dado o pontapé inicial nas negociações.

 

Composta unicamente por cláusulas econômicas - uma vez que o acordo coletivo do ano passado, do qual constam as cláusulas sociais, têm validade por dois anos – a pauta que será negociada com os empresários mineiros prevê reivindicação de reajuste salarial de 11%, índice que inclui a recomposição com as perdas da inflação e também aumento real.

 

 Além disso, os metalúrgicos mineiros reivindicam abono único e especial de R$ 2.529,91; piso salarial de ingresso de R$ 1.949,48; garantia de emprego, a partir do dia 1º de outubro e até 90 dias após o fechamento do acordo; e abono de férias de um salário nominal do trabalhador na respectiva fábrica.

 

Também faz parte da pauta reivindicações como gratuidade do transporte aos empregados; tíquete-refeição/alimentação no valor de R$ 499,50; e reembolso dos valores pagos pela creche, independentemente do número de funcionárias por fábrica e com limite para criança com até 6 anos de idade.

 

 “Teremos uma negociação difícil este ano, mas, como de costume, é preciso apostar na mobilização dentro das fábricas, na participação efetiva dos trabalhadores nas ações e movimentos que forem convocados e também na unidade dos sindicatos, já que nossa campanha salarial é unificada com outras federações de metalúrgicos do estado. Estes são fatores que, combinados, nos permitem alcançar um bom resultado nas negociações”, afirma o presidente do Sindicato, João Alves de Almeida.

 

 Presente à assembleia, a deputada federal Jô Moraes (PCdoB) ratificou seu apoio à luta dos metalúrgicos na Campanha Salarial Unificada deste ano. “Os metalúrgicos de Betim têm que fazer uma forte ofensiva sobre os patrões para garantirem suas reivindicações, que são legítimas e justas. Junto à diretoria do Sindicato estarei nas portarias das fábricas para levar meu apoio a esta luta”, afirmou.

 

 Já o médico do trabalho do Sindicato Geraldo Pimenta, conhecedor das mazelas vividas pelos trabalhadores da categoria nas fábricas, como as condições inadequadas de trabalho e as ameaças constantes de acidentes, reiterou a importância da luta dos metalúrgicos em prol da melhoria no ambiente das empresas. “Esta é uma luta que nunca vai cessar. Por isso, também reafirmo meu apoio na mobilização pela melhoria das condições de trabalho e saúde nas fábricas”, reforçou Pimenta.

 

 Outra participação importante na assembleia realizada no último domingo, no Clube dos Metalúrgicos, foi a do presidente da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB Minas), Marcelino da Rocha, para quem os metalúrgicos não devem se intimidar frente às dificuldades que sempre enfrentaram nas campanhas salariais.

 

 “Os metalúrgicos de Minas têm uma história de tradição de lutas e conquistas. Sabemos que vamos enfrentar muitas vezes a intransigência patronal nestas negociações. Por isso, acreditamos que a mobilização do trabalhador dentro das fábricas e a união junto ao Sindicato e às demais federações que negociam em nome de toda a categoria serão fatores fundamentais para consolidar nossas conquistas”, acentuou Marcelino, que também preside a Federação Interestadual dos Metalúrgicos e Metalúrgicas do Brasil (FIT Metal).

 

 Na Campanha Salarial Unificada deste ano, os cerca de 280 mil metalúrgicos de todo o estado estarão representados nas negociações com a Fiemg pela própria FIT Metal e também pela Federação Estadual dos Metalúrgicos (FEM/CUT) e Femetal Minas, ligada à Força Sindical.

 

 Conforme deliberação tomada em plenária realizada por representantes destas três federações, o prazo limite para aprovação da pauta de reivindicações por todos os sindicatos que integram a Campanha Salarial Unificada é a próxima quarta-feira (23).

 

 FONTE: Departamento de Imprensa - Sindbet.

 

 

Enquete

Boletim
Eletrônico

Cadastre-se e receba as
noticias do Sindicato
Rua Santa Cruz, 811 | Centro | Betim - MG | CEP 32600-028 | (31) 3539-6500 | metalurgicosdebetim@metalurgicosdebetim.org.br

Horários de funcionamento do Sindicato:
- Sede: 8h30 às 12h e das 13h às 18h.
Endereço: Rua Santa Cruz, 811, Centro - Betim.
Telefone: (31) 3539-6500.
- Subsede: 8h30 às 16h45.
Endereço: Rua Toyota, 222, bairro Jardim Piemont - Betim.
Telefone: (31) 3597-0260.

Visitas desde junho/2016: 835308
Sindicato dos Metalúrgicos de Betim e Região © 2018 All Rights Reserved.