Notícias - Participações nos Lucros e Resultados

14 de agosto de 2014

Metalúrgicos da Toshiba conquistam lanche e continuam mobilização por PLR e outras reivindicações


As negociações para garantir a conquista de um acordo de Participação nos Lucros ou Resultados (PLR) ainda não foram finalizadas na Toshiba, já que não há concordância, por parte da comissão de trabalhadores eleita na fábrica, com a última proposta feita pela empresa, de pagar R$ 2.400,00. Com isso, a Toshiba segue sendo, dentre as maiores empresas de Betim, a única que ainda não fechou acordo com a direção do Sindicato.


“É uma proposta que ainda não agrada, pois é necessário que os trabalhadores sejam valorizados pela empresa. Além disso, é um valor que está aquém, por exemplo, do que a empresa realmente pode pagar, afinal, vale lembrar, há outras fábricas de menor porte na mesma região que já pagaram um valor acima deste que está sendo proposto”,  afirma o diretor do Sindicato Wiriston Nascimento, que é metalúrgico na Toshiba.

 

Apesar do impasse nas negociações da PLR, a mobilização na fábrica e a unidade ao Sindicato vão, aos poucos, rendendo frutos aos trabalhadores que, na última semana, conquistaram uma de suas mais antigas reivindicações, que era a concessão do lanche no período da tarde, medida que já está valendo desde o último dia 11.

 

No entanto, lembra o diretor do Sindicato, outras reivindicações importantes continuam sem solução por parte da empresa, tais como a redução do alto custo cobrado dos trabalhadores pelo transporte, melhoria na ajuda de custo para alimentação (cesta básica) e a equiparação salarial para aqueles que exercem funções iguais, mas recebem salários diferenciados. A melhoria do tratamento de algumas chefias em relação aos trabalhadores do chão de fábrica é outra mudança urgente cobrada pelos trabalhadores. 

 

Para o diretor do Sindicato Paulo Moreira (foto), que acompanha as lutas na fábrica, a prova de que os metalúrgicos devem intensificar a mobilização na fábrica é a conquista do lanche.

 

“Este já é um primeiro passo importante. Ou seja, isso mostra que quanto mais os trabalhadores pressionam, mantendo a mobilização na fábrica e com muita unidade e participação ao lado do Sindicato, as vitórias são certas,” acredita o diretor. “Este mesmo espírito guerreiro, de participação e unidade dos trabalhadores, sempre ao lado do Sindicato, é que também esperamos de todos os metalúrgicos da Toshiba na nossa Campanha Salarial Unificada, para que possamos obter total êxito em nossas reivindicações”, completa.

 

Fonte: Departamento de Imprensa - Sindbet.

Enquete

Boletim
Eletrônico

Cadastre-se e receba as
noticias do Sindicato
Rua Santa Cruz, 811 | Centro | Betim - MG | CEP 32600-028 | (31) 3539-6500 | metalurgicosdebetim@metalurgicosdebetim.org.br

Horários de funcionamento do Sindicato:
- Sede: 8h30 às 12h e das 13h às 18h.
Endereço: Rua Santa Cruz, 811, Centro - Betim.
Telefone: (31) 3539-6500.
- Subsede: 8h30 às 16h45.
Endereço: Rua Toyota, 222, bairro Jardim Piemont - Betim.
Telefone: (31) 3597-0260.

Visitas desde junho/2016: 960736
Sindicato dos Metalúrgicos de Betim e Região © 2018 All Rights Reserved.